Danilo Gentil fala sobre sua fé em entrevista


O apresentador do talk-show “Agora é Tarde”, Danilo Gentil, 33 anos, que também já foi apresentador do programa de humor CQC, é um dos humoristas brasileiros mais populares no momento, e participou de uma entrevista a revista 29Horas, onde ele falou sobre sua fé.

Ele diz na entrevista que na adolescência foi evangélico e pensava em ser pastor, seguindo carreira dentro da igreja, mas por causa de algumas desavenças dentro da igreja, Danilo não a frequenta mais.
Ele também toca no assunto de que em menos de um ano perdeu seu pai Guiomar, e sua irmã Karina, que após falecerem sobrou só Danilo e sua mãe, na qual ele diz ter um ótimo relacionamento, e que encontrar conforto para os ocorridos na igreja. “Ficamos somente eu e minha mãe, com quem tenho ótimo relacionamento. O que nos segurou foi a religião, frequentávamos a Igreja Batista”, disse ele.
Para lidar com sua perda de familiares, ele também usou o humor como saída: “Como válvula de escape, passei a criar histórias em quadrinhos e a contar piadas para os amigos. Foi o início de tudo”, lembrou Danilo.
“Eu era adolescente, de família católica. Com 14 anos, comecei a sentir um vazio. Procurei religião em vários lugares. Achava missa chato. Foi quando tomei a Bíblia como regra de fé”, disse Danilo para uma entrevista a outra revista.
Quando tinha 20 anos o apresentador se tornou líder dos jovens na igreja que frequentava, e foi ali, em cima do púlpito que descobriu seu talento. “As primeiras comédias que eu fiz foram no púlpito. Eu pregava muito, queria muito ser pastor. De verdade. Achava que estava fazendo uma boa coisa. E todas as pregações que fiz tinham comédia, eu sempre botava piada no sermão”, explica.
Em bora não pense da mesma forma, quando era jovem defendia o sexo somente depois do casamento, porém Danilo afirma que ainda deseja se casar, e disse: “É um sonho que sempre tive. Mas só caso quando encontrar alguém com quem possa ficar a vida inteira”.
Fonte O verbo 

0 comentários:

Postar um comentário