Bispo católico ordena retirada de santos de praça por ofender outras religiões


Na opinião de Dom Bruno as imagens ofendem os moradores da cidade de Cacoal que são de outras religiões


É comum encontrar notícias sobre pedidos de retirada de símbolos religiosos de espaços públicos, mas em Cacoal (RO) o pedido não parte de ateus ou outros representantes da sociedade, mas do próprio bispo católico que afirma que as imagens de santos colocadas na Praça da Matriz estão ofendendo os seguidores de outras religiões.
“Lá é uma praça pública. Tem que se respeitar as pessoas de outras religiões e a comunidade precisava ser consultada, sempre caminhando em comunhão”, diz Dom Bruno.
A Igreja Sagrada Família encomendou 22 estátuas de santos que representam os santos de cada comunidade católica do município, até o momento seis deles já foram entregues e postos na frente da igreja.
O pedido do bispo foi feito ao coordenador da igreja, Fernando da Silva, que não concorda com a decisão do líder da Igreja Católica na região.
“Fiquei decepcionado com a ordem dada pelo bispo. Acredito que quando a casa é sua, você faz o que quiser no quintal dela”, disse Azevedo que de tão inconformado com a decisão pediu para deixar o cargo que ocupa.
Quem também não vê problemas em ter as imagens decorando a praça pública é o padre Valdemir Galdino, responsável pela igreja, que já sabe o que fará com os santos que já estavam prontos: doar para as outras igrejas da cidade.
O site G1 conversou com dois moradores de Cacoal, um deles é católico e não acredita que as estátuas possam ofender alguém. Nestor Pereira Campista, 69 anos, diz que são os devotos desses santos é que são ofendidos por seguidores de outras religiões.
Já o comerciante Carlos Roberto Custódio, 46 anos, não declarou sua religião, mas disse que as imagens estão constrangendo os não católicos que passam pela praça.
Fonte gospel primer

0 comentários:

Postar um comentário