Teólogos acreditam que humanos e alienígenas adoram ao mesmo Deus

Comprovação da existência de vida extraterrestre não abalaria a fé
Teólogos acreditam que humanos e alienígenas adoram ao mesmo Deus Se os terráqueos não estão sozinhos no universo e eventualmente, fizerem contato com uma raça extraterrestre, será que iremos aceitá-los como nossos irmãos galácticos?
Esse foi um dos temas do Simpósio 100 Year Starship em Orlando, Flórida, onde discutiram-se questões relacionadas com viagens de seres humanos para sistemas de estrelas distantes no futuro.
Entre os temas discutidos estavam às considerações filosóficas e religiosas sobre a existência de vida em outros lugares do cosmos. Como a comunidade religiosa reagiria à possibilidade de termos alienígenas em nosso meio?
“Depende do que você entende por comunidade religiosa. Se você está falando sobre os teólogos saiba que eles, de tempos em tempos, abordam a questão da existência de outros mundos com seres inteligentes como parte da criação de Deus. Acredite ou não, isso vem acontecendo há 800 anos,” explicou Ted Peters, professor de teologia sistemática no Seminário Teológico Luterano do Pacífico e do Seminário de Graduação Union, ambos na Califórnia.
Anos atrás, o astrônomo e diretor do Observatório do Vaticano, José Gabriel Funes, afirmou que a Igreja Católica não teria problemas com a possibilidade da existência de vida inteligente em outros lugares do cosmos. Em 2010, Guy Consolmagno, um astrônomo do Vaticano especulou que, se os alienígenas existem, eles devem ter almas e se ofereceu para batizá-los.
“Os astrônomos acreditam que o universo é composto de 100 bilhões de galáxias, cada uma das quais possui bilhões de estrelas. Muitas dessas – ou quase todas – poderiam ter planetas habitados”, disse Funes. “Como você pode excluir a possibilidade de que a vida se desenvolveu em outro lugar? Do mesmo modo que há uma multiplicidade de criaturas na Terra, pode haver outros seres, até mesmo inteligentes, criados por Deus”, acrescentou. “Isso não contradiz nossa fé, pois não podemos colocar limites à liberdade criadora de Deus. Se consideramos criaturas terrestres como ‘irmão’ e ‘irmã’, por que não poderíamos falar também de um ‘irmão extraterrestre’?”
Ted Peters, autor do livro ” OVNIS: Carruagens de Deus “, concorda com Funes.
“Eu conheço vários jesuítas que trabalham no observatório do Vaticano e eles são cientistas sérios que estão a tentar responder à questão da possibilidade de inteligência extraterrestre”, disse Peters. “Teologicamente, eles acreditam que a criação de Deus é imensa e que outros seres inteligentes seriam criaturas do mesmo Deus que conhecemos, pois só há um Deus.”
A fim de abordar a questão de como as religiões da Terra reagiriam ao contato com uma civilização alienígena, Peters elaborou um questionário que tem sido enviado a diversos líderes religiosos. A conclusão de suas pesquisas indica, segundo ele, que os religiosos estão muito mais dispostos a louvar a Deus juntamente com um alienígena do que poderíamos esperar. ”
Ainda segundo o resultado preliminar de sua pesquisa, Peters afirma que “as pessoas de muitas denominações diferentes, acreditam que a realidade da vida extraterrestre não faria mal à sua fé”.

Fonte: Gospel Prime

0 comentários:

Postar um comentário