Roteiro turístico revive passos da Assembleia

Durante toda a manhã de ontem, um grupo de guias de turismo participou de um treinamento
 prático nas ruas de Belém sobre o roteiro ‘Caminhos dos Pioneiros’, o city tour voltado para seguidores da igreja Assembleia de Deus. O roteiro segue os passos dos dois fundadores da igreja pentecostal em Belém – e consequentemente no mundo. Gunnar Vingren e Daniel Berg fizeram uma rota pela cidade que passa a ser considerada um novo roteiro de turismo religioso.
“Na verdade, a experiência que se tinha em turismo religioso aqui em Belém era apenas com o Círio de Nazaré. Essa é uma boa oportunidade que a igreja está dando para que se crie uma nova rota. É um desafio profissional para nós”, diz a guia de turismo Amanda Lima, 27 anos.
O grupo de guias recebeu um treinamento inicial com todos os fundamentos teóricos, inclusive sobre a história da Assembleia de Deus e sobre os caminhos percorridos pelos pioneiros até a efetiva implantação da igreja em Belém. O treinamento prático iniciou no Centenário Centro de Convenções. De lá, o ônibus com o grupo e mais alguns pastores seguiram pela avenida Independência, renomeada avenida do Centenário da Assembleia de Deus e elevado Daniel Berg.
DESEMBARQUE
De lá, o grupo seguiu para a ‘Escadinha da Estação das Docas’, local da primeira descida dos guias para um treinamento prático. A ‘escadinha’ é o local exato onde os missionários suecos Daniel Berg e Gunnar Vingren desembarcaram do navio Clement em Belém do Pará, no dia 19 de novembro de 1910, oriundos dos EstadosUnidos.
O ponto seguinte é a Praça da República. Foi em um dos primeiros bancos da praça que os missionários descansaram e teriam feito a primeira oração em solo brasileiro. No local há um pequeno monumento em homenagem aos dois missionários.
Uma passada em frente ao que era a residência de Celina Albuquerque, na rua Siqueira Mendes, Cidade Velha, é o percurso a seguir. Celina Albuquerque foi a primeira pessoa a ser batizada sob a égide da nova igreja. O roteiro inclui ainda uma visitação ao rio Tucunduba, um braço do rio Guamá, escolhido pelos pioneiros para os primeiros convertidos serem batizados nas águas. O trecho escolhido é no interior da Universidade Federal do Pará.
OUTROS PONTOS
Outros pontos que farão parte do pacote são visitas ao local do primeiro templo da Assembleia de Deus, na avenida 9 de Janeiro, ao lado do Museu Emílio Goeldi, e no Parque da Residência, onde na área central encontra-se um vagão semelhante ao da Maria Fumaça que transportou Daniel Berg nas viagens de evangelização pela estrada de ferro Belém-Bragança.

Notícias Cristãs com informações do Diário do Pará

0 comentários:

Postar um comentário