A graça abundante de Cristo!


Reconhecemos o que é vivermos na graça de Deus quando lembramo-nos quem éramos. Nada que temos é de mérito próprio, mas, sim, por que o Senhor nos concede mediante sua liberalidade em abençoar o ser humano.
O fato de nos voltarmos a Ele faz parte de vivermos na Graça. A Graça tem seu significado como um favor imerecido, porém muitos minimizam o autor da Graça em seu sacrifício na cruz do calvário.
Cristo permite-nos experimentar a Graça diariamente, pois o que seria da humanidade se Ele não nos permitisse conhecê-lo?
Temos mediante a Graça de Deus a convicção, que é mais conhecida como Fé, e a capacidade de crer quando outros negam, de ter esperança quando outros desesperam; de amar quando outros ferem.
A Graça de Deus é abundante, infinita, mas não devemos nos acomodar mediante as oportunidades que Deus nos dá. Thomas Merton disse certa vez: “Um santo não é alguém bom, mas alguém que experimentou a bondade de Deus.
A bondade de Deus não é limitada, por isso que seu poder continua salvando enfermos morais, espirituais, e o poder de transformação continua trocando coronárias entupidas pelo pecado, dando ao homem um novo coração, transplantando o inútil, e colocando o que é útil: a palavra, perdão, amor, misericórdia e, principalmente, o arrependimento.
Tudo que temos que somos ou que viermos a ser faz parte do favor imerecido de Deus. O que hoje é meu, amanhã poderá não ser, pois nada do que temos vem de nós mesmos, mas da Graça de Deus.
O que dizer então de homens bem sucedidos nesta terra, àqueles que não conhecem a Deus e não tem comunhão com Ele? Estes são galardoados aqui na terra mediante suas ações, mas nós, Cristãos, plantamos nesta vida para colhermos na eternidade.
A verdade é que muitos que foram alcançados pela Graça de Deus ainda não tem a consciência de suas responsabilidades. Brennan Manning comentou certa vez: “Minha consciência mais profunda a respeito de mim mesmo é de que sou profundamente amado por Jesus Cristo e não fiz nada para consegui-lo ou merecê-lo.
Se você foi alcançado pela Graça de Deus, deixe aflorar através de sua vida o reflexo da bondade de Cristo que sem condições, não olhando as dores, dificuldades e perseguições, fez sua parte em favor da humanidade.
Eu lhe convido no dia de hoje a fazer parte dos alcançados pela Graça, que com responsabilidade promovem a pregação do evangelho na face na terra. Faça sua parte, não nós, mas Deus quer lhe usar como um instrumento que ecoa notas que adentram corações corrompidos, sujos e imundos do pecado, mas para isso, una-se aos Gideões Missionários da Última Hora, e seja um representante de Cristo na tarefa da evangelização mundial.

Calebe Ibaldo Moreno

0 comentários:

Postar um comentário