Bangladesh


Missionário pede oração pelo país
Um líder da organização Gospel for Asia em Bangladesh conseguiu escapar e salvar sua vida quando estava em um conflito entre dois grupos étnicos. O líder estava buscando os filhos na escola no dia 24 de fevereiro, quando se viu em meio aos conflitos. Ele conseguiu voltar para casa em segurança, mas pede oração pelo país.As tensões entre os grupos começaram no dia 23 de fevereiro, resultando em 15 mortes e dezenas de casas sendo incendiadas em Chittagong Hill Tracts, sudeste de Bangladesh.Felizmente, a polícia está fazendo todo o possível para proteger os missionários que trabalham na região de maior violência.De acordo com as notícias, os envolvidos no conflito estão enfurecidos e culpando o governo por falhar ao implementar um acordo de paz de 1997, que dividia as terras entre esses grupos étnicos. Nessa área de Bangladesh, que faz fronteira com Mianmar, existem 12 grandes grupos étnicos. A fuga de refugiados birmaneses também causa problemas na região.Essa situação impede os missionários de viajarem livremente para falar do evangelho e se encontrar com os cristãos. Também dificulta a viagem dos cristãos para os cultos. Em algumas regiões, os toques de recolher impostos pelo governo também forçam as pessoas a permanecerem em suas casas.Os missionários e cristãos que vivem nessa região também têm oferecido alimento e abrigo para os que perderam suas casas. Eles estão comprometidos em ajudá-los a reconstruir sua vida.Fonte: Missão Portas Abertas

0 comentários:

Postar um comentário